24

E foi com este tema que marquei ontem a minha estreia, em modo Speedy Gonzalez :D, nas sessões de apresentações do CAST – Comunidade Angolana de Segurança e Tecnologia.

Com casa cheia, foi bastante gratificante podermos observar o intercâmbio de conhecimento e experiências entre os profissionais da área e os estudantes universitários que pela primeira vez fizeram-se representar em bom número, o que com certeza deixou satisfeito os que têm acompanhado de perto a caminhada da comunidade.

O pontapé de saída foi dado por Sérgio Cruz que dissertou sobre “Sistemas Integrados de Gestão Empresarial“, cobrindo os pontos anunciados por altura do lançamento do evento, tais como a importância, factores de decisão técnica e as razões técnicas em que baseou a sua opção. Em jeito de conselho, foi passando informações que considera cruciais para que um processo de adopção de um ERP finalize com sucesso.

Na sequência, coloquei as vestes de evangelizador de segurança, convidando os participantes a uma viagem ao passado, levando-os a compreender a presente necessidade de consciencialização para a adopção de práticas seguras de Engenharia de Software e de Gestão de Projectos de Software nos processos de desenvolvimento e/ou aquisição de soluções. Com certeza, a ocasião proporcionou também a oportunidade para dar a conhecer conceitos pouco disseminados como Software Assurance, ciclo de vida de desenvolvimento de software seguropráticas de segurança, entre outros, relacionados à Segurança em TI.

Para obter mais informações como as apresentações deste e outros eventos passados, é só visitar a página do CAST em www.cast.co.ao e, aproveitando a visitinha, cadastrar-se, abraçando assim a causa. 😉

Anúncios